Pela Promoção dos Direitos das Juventudes

Rede Ecumênica da Juventude (REJU)

Notícias

Conjuve vai eleger novo presidente nos dias 3 e 4 de setembro

O conselheiro Daniel Souza, representante da Rede Ecumênica da Juventude, é a candidatura única do processo eleitoral

O Conselho Nacional de Juventude (Conjuve) em breve vai contar com um novo presidente, representando a sociedade civil.  A posse acontece durante 41ª Reunião Ordinária, que deve acontecer dias 3 e 4 de setembro, na sede da Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), em Brasília. Na ocasião, também será escolhido o vice-presidente do Conjuve, representante do poder público.

Para a atual presidenta, Ângela Guimarães, o Conjuve vive um momento de afirmação da sua democracia justamente no ano quem completa sua primeira década. “É um momento especial diante das nossas batalhas. A principal delas é barrar a aprovação da redução da maioridade penal, além das diversas tentativas de retrocesso nos direitos da juventude”, disse.

Ângela acredita que o seu trabalho neste período contribuiu principalmente para mobilizar contra a violência que atinge em especial a juventude negra. “Encerro a minha gestão na certeza de que contribui junto aos conselheiros para fortalecer a luta contra a violência sistemática que atinge a juventude negra”, finalizou.

O jovem Daniel Souza, da Rede Ecumênica da Juventude (Reju), é o candidato à presidência. Ele afirma que seu papel será o de articular interesses em comum com a diversidade que compõe o Conjuve. “Minha expectativa é construir um conselho mais propositivo, que consiga ampliar a interlocução com a juventude, com as organizações da sociedade civil, e que não esteja nos limites institucionais”, disse. O mandato do próximo a presidir o Conjuve será de um ano.

Saiba mais

O Conjuve foi criado em 2005 pela Lei 11.129, que também instituiu a SNJ, e o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem). Entre suas atribuições, está o trabalho de formular e propor diretrizes voltadas para as políticas públicas de juventude, desenvolvendo estudos e pesquisas sobre a realidade socioeconômica dos jovens. O Conjuve é composto por 1/3 de representantes do poder público e 2/3 da sociedade civil, contando, ao todo, com 60 membros, sendo 20 do governo federal e 40 da sociedade civil.

Texto: Ascom/SNJ

Foto: Divulgação