Pela Promoção dos Direitos das Juventudes

Rede Ecumênica da Juventude (REJU)

Notícias

Em Marcha pelos Direitos das Juventudes. Lutar não é crime!

26-02-2015
Desde as mobilizações de junho de 2013, o Estado tem buscado intensificar o processo de criminalização dos movimentos sociais e da luta popular. Assistimos e vivenciamos duras investidas contra quem se organiza e ocupa as ruas, para reivindicar mais direitos. 
O Diretório Central dos Estudantes – DCE da Universidade Federal de Goias, convocou para o dia 26 de fevereiro de 2015, uma manifestação contra o aumento abusivo da tarifa de transporte em Goiânia, que foi realizado de forma pacifica, com acompanhamento ostensivo das forças de segurança. Por volta das 20h, quando alguns estudantes já se encontravam em dispersão foram abordados e presos pela Policia Civil e conduzidos a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO), alguns desses jovens são militantes do movimento estudantil, inclusive dirigentes do DCE-UFG e de Centros Acadêmicos. Segundo informações membros do DCE-UFG estão sendo monitorados e a prisão realizada ontem era para prestar “esclarecimentos”. 

A Rede Ecumênica da Juventude – Goiás, vem a público manifestar repudio a criminalização dos movimentos sociais e das lutas populares e expressar solidariedade xs estudantes. O Estado Democrático de Direito, não pode tolerar prisões para “esclarecimento” esta era uma pratica da ditadura civil militar. A manifestação popular, a reivindicação de direitos e a organização estudantil não são crimes e não devem em hipótese alguma ser tratado como tal.

27 de fevereiro de 2015,

Rede Ecumênica da Juventude – Goiás

direitos nota Goiás lutas

Nenhum comentário..

Leave a reply

Your email address will not be published.