Pela Promoção dos Direitos das Juventudes

Rede Ecumênica da Juventude (REJU)

Notícias

Juventude e direitos: o que temos a dizer?

20-08-2012

Alberto Rocha

O que são direitos juvenis? Qual a “arquitetura” das políticas públicas para a juventude? O que é trabalhar em rede? O que é espiritualidade? O que significa uma Rede Ecumênica de Juventude? Essas questões animaram um bate papo sobre a REJU – Rede Ecumênica de Juventude no último dia 14 de agosto na sede da CESE.

Daniel Souza, facilitador nacional da REJU, e Ianara Evangelista, da Rede de Jovens do Nordeste, ambos representantes das suas redes no Conselho Nacional de Juventude, animaram a conversa com aproximadamente 30 jovens de organizações populares, de igreja e do candomblé.

“Juventude é aprendizado. É preciso ‘sugar’ o máximo de tudo, conhecer“. “Falta estrutura para o jovem viver de forma mais plena, com trabalho, educação, lazer…”. “A juventude tem desejos e isso é agora, não no futuro”. Falas como essas expressaram o desejo de conhecer mais e de se engajar em experiências de participação e incidência pública.

A curiosidade sobre a REJU, seu funcionamento, a dimensão ecumênica que a caracteriza, estimularam a proposta de estabelecer uma agenda de encontros entre a Rede e as organizações convidadas, como forma de aproximação.

A formação é também uma demanda da juventude e as pessoas presentes consideraram que a REJU pode contribuir nesse campo, com discussões sistemáticas, focadas em temas de interesse comum.

A CESE foi escolhida como espaço para a realização de um próximo encontro em outubro e a expectativa é que haja encontros bimestrais contando com a representação da REJU na Bahia.

Fonte: http://www.cese.org.br


Juventude e direitos: o que temos a dizer?