Pela Promoção dos Direitos das Juventudes

Rede Ecumênica da Juventude (REJU)

Notícias

REJU participa de mobilizações em prol da equidade de gênero

A Rede Ecumênica da Juventude estabeleceu em seu último encontro nacional (dezembro de 2012) a interface Juventude e Equidade de Gênero como um de eixos de atuação para o biênio 2013-2014. Os objetivos são desconstruir as relações subalternas de poder, a fim de diminuir os conflitos de gênero e construir um espaço de diálogo, informação e denúncia; e promover espaços de debates sobre a autonomia do corpo das mulheres, despertando a celebração e autoconhecimento. Como enfoque, a rede – construída a partir de distintas vivências religiosas - atuará na temática dos direitos sexuais e reprodutivos e no combate à violência contra a mulher.

Com estes desejos, a REJU promoverá ou participará de mobilizações que possuam estas ênfases durante o mês de março deste ano, buscando “colocar a justiça no coração da fé e nas mãos das mulheres”. Abaixo, há uma indicação destas atividades:

São Paulo (SP)

“Ato/Passeata pelo Dia Internacional das Mulheres”

Dia: 8 de março

Concentração: Praça da Sé

Horário: 13h.

“Roda de Diálogo: Religião e violência contra as mulheres”

Dia: 16 de março

Local: Praça Olavo Bilac, 63. Campos Elíseos (Igreja Episcopal Anglicana do Brasil)

Horário: 9h30.

Rio de Janeiro (RJ)

“Lugar de mulher é na política”

Dia: 8 de março

Local: Buraco do Leme

Horário: 14h.

Belo Horizonte (MG)

“Ato/Passeata: Mulheres na rua contra a violência”

Dia: 8 de março

Concentrações: Raul Soares, Afonso Arinos, Rodoviária, Estação, Assembleia, Viaduto Santa Tereza.

Horário: 13h.

Recife (PE)

“Ato/Passeata pelo Dia Internacional das Mulheres”

Dia: 8 de março

Concentração: Praça 13 de maio

Horário: 14h.

Delmiro Gouveia (AL)

“Grito feminino: lugar de mulher é na luta”

Dia: 8 de março

Local: Coreto

Horário: 18h.

Para ampliar estes diálogos sobre equidade de gênero a partir de distintas vivências religiosas, acessem o texto: “Colocar a justiça no coração da fé e nas mãos das mulheres”, escrito pelo grupo de mulheres Oikotree: um espaço ecumênico aberto para pessoas de todas as religiões que procura viver com a fé no meio da injustiça econômica e destruição ecológica. 

Texto disponível no site da REJU: http://www.reju.org.br/.

REJU participa de mobilizações em prol da equidade de gênero